Nota de produto - NFe

Como fazer uma carta de correção

Carta de correção: Objetivo e Emissão A carta de correção eletrônica (CC-e) assim como a carta de correção manual, é usada para corrigir erros que foram cometidos na elaboração da NF-e. A carta de correção pode ser transmitida até 720 horas - ou 30 dias - a partir da autorização de uso da NF-e objeto da correção e a mesma só pode ser transmitida para uma NF-e autorizada, ou seja, não é possível corrigir uma NF-e cancelada. O que pode ser corrigido pela carta de correção de NF-e: - CFO...

Como realizar a emissão de uma NF-e?

Como realizar a emissão de uma NF-e? Para começar a emitir nota fiscal através do Nibo, é necessário ter cadastrado no sistema os seus clientes e os seus produtos. Para aprender a cadastrar clientes e dar entrada em produtos no estoque, visite o nosso artigo: Dar entrada de novos produtos no estoque a partir de uma nota emitida por um fornecedor (https://ajuda.nibo.com.br/651957-Entrada-de-novos-produtos-no-estoque-a-partir-de-uma-nota-emitida-por-um-fornecedor) Com essas informações cadas...

CTS/CSOSN: O que é?

O que é CTS? O CST é o código de situação tributária do ICMS. É um código que tem como finalidade identificar qual a procedência da mercadoria e como a mesma será tributada. Na composição do CST são utilizadas as Tabelas A e B. A Tabela “A” tem a função de identificar qual é a origem da mercadoria (nacional, importada ou equiparada à importada), ou seja, a título de exemplo: - Dígito “0” – mercadorias de origem nacional; - Dígito “1” – mercadorias de origem estrangeira por importação d...

Entrada de novos produtos no estoque a partir de uma nota emitida por um fornecedor

Dar entrada de novos produtos no estoque a partir de uma nota emitida por um fornecedor Você consegue dar entrada de novos produtos no seu sistema a partir de XML emitidos pelos seus fornecedores de forma simples. Acesse o menu Produtos > Aquisições e clique no botão Importar NF-e. Ao clicar nesse botão, você irá para a página de importação de NF-e onde deverá selecionar o arquivo no seu computador. O Nibo oferece a possibilidade de importar uma nota por vez ou fazer a importação em massa...

Para que serve e como emitir uma NF-e de devolução?

Para que serve e como emitir uma NF-e de devolução? A nota fiscal de devolução normalmente é utilizada quando você necessita enviar de volta uma mercadoria para o seu fornecedor. Para fazer uma nota fiscal de devolução através do Nibo é só ir em Produtos > Aquisições, escolha a nota que deseja devolver e clique nas opções ao lado do botão “DANFE” e escolha a opção “NF-e Devolução”. Após clicar na opção de nota de devolução, escolha o CFOP da operação - que representa o motivo da d...

Para que serve e como realizar uma NF-e de retorno? 

Para que serve e como realizar uma NF-e de retorno? A Nota Fiscal de Retorno deve ser utilizada nos casos onde você precisa de um documento fiscal para consolidar um retorno de uma mercadoria ao seu estoque. Os motivos mais comuns para emissão de uma nota fiscal de retorno são quando o seu cliente recusou o recebimento da nota e ele não emite nota de devolução ou quando passa do período de cancelamento de 24h, por exemplo. Para emitir uma nota fiscal de retorno é só ir em Produtos > Pain...

Rejeição: Emissor não habilitado para emissão da NF-e

Emissor não habilitado para emissão da NF-e Essa rejeição acontece quando for emitida uma NF-e e o emitente não estiver habilitado na Sefaz para emissão deste tipo de Documento Fiscal. Quando ocorre? Essa rejeição pode ocorrer nas seguintes situações: Normalmente, empresas recentemente criadas e que ainda estão em processo de cadastramento na Sefaz Empresas que já são emissoras, porém estão com algum tipo de pendência na Sefaz ou Receita Federal Em último caso, por falha na Sefaz ...

Substituição tributária: O que é e como usar?

Substituição tributária Substituição tributária é uma questão muito importante e que geralmente gera muitas dúvidas para os empresários. No módulo de estoque do Nibo, procuramos simplificar ao máximo essa parte da parametrização tributária da sua empresa. Como previsto na Constituição Federal, cada estado tem poder para legislar sobre o ICMS dentro do seu território, ou seja, cada estado decide quanto vai cobrar de ICMS e quando. Com isso, determinado estado entendeu que o MVA é de 80% mas ou...